Quem somos

O site começou após uma viagem pelo Caminho de Santiago. Ao perceber o quanto o cicloturismo é grande na Europa e conhecendo o potencial do Brasil em lugares para se conhecer de bicicelta, Marcelo Rudini decidiu divulgar os pedais que havia feito e todos os que nos chegassem. O objetivo é ter aqui o mesmo volume de cicloturistas que na Europa. Mas para isso, seria também necessário ajudar novos ciclistas a viajarem de bike.

Sempre ouvindo os ciclistas, fomos além das reportagens sobre viagens e divulgação de circuitos de cicloturismo. O OP expandiu com um canal de vídeo e um fórum com perguntas e repostas para novos ciclistas resolverem os perrengues que aparecem pelo caminho. Em paralelo ao site, temos a loja do OP que financia toda a produção de vídeos e oferece somente produtos testados por nós. O OP é feito por ciclistas e para ciclistas.

Vídeos Tutoriais

Nosso canal no Youtube tem mais de 60 mil inscritos e conta com 300 vídeos. Aqui no site, os tutoriais estão separamos por categorias para que você possa encontrar melhor a dica que precisa.

Perguntas e Respostas

A seção de dúvidas foi criada para você poder pesquisar por temas já respondidos ou fazer sua pergunta que respondemos em um dia. Você também poderá responder perguntas e ajudar outros ciclistas.

Roteiros Catalogados

Além das reportagens de viagens que já fizemos, criamos um catálogo de passeios para que você possa pesquisar por lugares para pedalar. Assim fica mais fácil achar uma viagem ou um circuito para pedalar.

Loja Ondepedalar

Produtos para ciclistas

Em nossa loja selecionamos os produtos como ciclistas. Só vendemos aquilo que usamos e sempre tentamos trazer artigos de com preços variados, mas que mesmo baratos tenham seu custo-benefício adequado.

Visite a loja

loja ondepedalar

Viagens

Relato de viagem feito por Itana Mangieri

O Caminho da Paz foi escolhido por nós, Jabutis Vagarosos, para mais uma ciclo-viagem e também para acompanhar nosso colega Marcelo Rudini de São Paulo.

Seguimos então de Salvador para Amargosa numa Kombi que alugamos para nos transportar junto com as bikes. Começou então nossa divertida aventura: A Kombi ferveu o motor 5 vezes. Paramos todas as vezes para esperar o motor esfriar e repor água no reservatório. Essas esperas nos rederam boas risadas, fotos vídeos pelo caminho e começamos a descobrir a espontânea solidariedade de quem mora em lugares distantes das cidades, com perguntas curiosas para apoio, água, fotos, bate-papo etc .

Chegamos em Amargosa as 15 horas, nos arrumamos, fizemos uma merenda rápida, compramos as credenciais do Caminho da Paz na Pousada do Bosque e fomos conhecer e fotografar a famosa e bem cuidada praça de Amargosa, já toda colorida e decorada para o Natal. Dessa vez conhecemos dona Maria Neuza, que além de responsável pela limpeza e cuidados com a praça, também usa sua bicicleta para ir ao trabalho.

Ao som das cigarras, iniciamos o pedal. O trecho até o Alto da Lagoinha não era grande, porém as ladeiras eram íngremes e a tarde findava. Empurra-bike daqui, fotos e vídeos dali ... Aproveitamos a luz do dia e uma parada para um lanche de sardinha no bar do Seu Jaime (ou Pai Velho, como ele também se identificou). As ladeiras se repetiam e a noite chegou. Por sorte, Marcelo tinha uma lanterna e subíamos e descíamos ladeiras sem receios. Muitos motoqueiros passavam por nós e nos orientavam sobre o caminho a distância restante. O céu estrelado amenizava o cansaço nas pequenas paradas para esticar o corpo.

As 21 horas chegamos extenuados ao Alto da Lagoinha. Dona Solange e seu marido Edson nos aguardavam na pracinha principal e vieram nos receber de braços e sorrisos abertos. Nos hospedamos na residência de dona Damiana, senhora simples e dócil, que já nos aguardava com os quartos e jantar prontos. Um banquete delicioso em sua companhia, e bate-papo durante o jantar enquanto nos preparávamos para um sono profundo logo em seguida.

Rua Enio Barbato, 361 - Bertioga SP

+13 33173874